Quatro ‘chefs’ fazem jantar do ano para ajudar projetos sociais

Os ‘chefs’ Justa Nobre, Vítor Sobral, Luís Barradas e Kiko estão de volta para a segunda edição de “O Jantar do Ano”, que se realiza dia 12 de novembro, sábado, no Convento do Beato, numa iniciativa solidária promovida pela Let’s Help e pela Adega Mayor.

Inspirados pelas suas paixões, os quatro ‘chefs’ apresentam para esta edição quatro criações irreverentes e exclusivas.

Kiko irá confecionar um Ceviche de Salmão da Noruega, Tapioca, Espuma de Iogurte Fumado, Caju e Leite de Tigre com Maracujá, que será acompanhado pelo vinho Caiado branco.  Luís Barradas servirá, uma Massa “Rãmen” de Atum dos Açores, Algas do Sado e Muxama do Algarve, em parceria com o vinho Caiado rosé.

Já o Vítor Sobral irá cozinhar um Lombo de Bacalhau da Noruega com Creme de Mandioca, Coco, Dendém e Tomate Assado, que terá como acompanhamento o vinho Monte Mayor Branco. Por último, Justa Nobre apresentará uma Coxa de Pato com redução de cerveja Bohemia, Quinoa e Vegetais, que acompanha com o vinho Monte Mayor reserva tinto.

“Receitas de sucesso só são possíveis com ingredientes de qualidade superior. É neste sentido que nos associámos, pela segunda vez consecutiva, a este evento diferenciador”, diz Rita Nabeiro, diretora geral da Adega Mayor.

“Queremos proporcionar a todos os presentes um momento inesquecível, permitindo desta forma que a Let’s Help angarie verbas para o seu fundo, que ao longo do ano financia projetos sociais que procuram encontrar soluções cada vez mais autónomas e sustentáveis”, acrescenta.

Segundo Francisco Mello e Castro, administrador da Let’s Help, a iniciativa destina-se a arrecadar verbas “para ao longo do ano investir em negócios sociais sólidos e sustentáveis”.

“É um bom exemplo disso a primeira edição, que permitiu, entre outros, o investimento de tempo e dinheiro na reestruturação [do projeto] Reclusa que se relançará ao país com uma nova imagem e posicionamento no último trimestre deste ano”, sublinha.

Os bilhetes têm um valor entre os 35 e os 45 euros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *