Verdades “essenciais e latentes”, segundo Cabrita Nascimento
2021-06-30
Universidade de Évora abre candidaturas ao Prémio Vergílio Ferreira
2021-09-28
Mostrar tudo

Um sonho de 10 anos. A única plantação de chá biológico da Europa

Concretizar um sonho não é um feito que se repita muitas vezes na vida, mas há 10 anos, foi isso que sucedeu na vida de Nina Gruntkowski e Dirk Niepoort. Em outubro de 2011, faz agora uma década, os dois plantaram os primeiros pés de chá no jardim da sua casa do Porto, e passados três anos, iniciaram o cultivo no terreno do Fornelo onde hoje a Chá Camélia possui 12 mil pés de chá. 

Desse percurso de 10 anos nasceram vários produtos emblemáticos: o Pipachá, em 2018, que uniu a paixão pelo chá à do vinho do Porto, com um chá oolong biológico semi-oxidado afinado em antigas pipas de vinho do Porto da Niepoort; o Nosso Chá (2019), um chá verde artesanal. E em breve, será hora de lançar um novo produto, a Kombu Viva, uma kombucha à base de chá de qualidade, em parceria com a HomeLab e a Niepoort.

Este é um momento importante e muito emotivo para Nina Gruntkowski, que dedica agora os seus dias a cuidar das folhas, das flores e de todo o processo relacionado com a natureza e as plantas de chá. “Parece que foi ainda ontem que iniciámos este projecto, mas já conseguimos concretizar alguns dos nossos objectivos e temos muitos mais para ver nascer. Vemos a Chá Camélia como algo que irá perdurar no tempo, e trabalhamos diariamente para consolidar a cultura e a identidade do chá em Portugal”, afirma Nina Gruntkowski, fundadora do projecto Chá Camélia em parceria com Dirk Niepoort. 

A Kombu Viva vai ser a bebida escolhida para brindar ao aniversário da Chá Camélia a 9 de outubro, num dia que terá as portas abertas a todos os que sempre quiseram conhecer uma plantação de chá – e aos que ainda não sabiam que existia uma no norte de Portugal. Das 14h30 às 18h30 de sábado 9 de outubro, os visitantes que comprarem bilhete (no valor de 10€) poderão fazer uma visita guiada à plantação, uma degustação de chás e provar alguns produtos de parcerias da Chá Camélia. 

Haverá uma banca de vinhos Nat Cool, da Niepoort, e cada participante terá direito a uma dose de sushi. À entrada, cada pessoa receberá uma malga de porcelana da Chá Camélia, que será o seu copo durante todo o dia, e que servirá para brindar com o Kombu Viva, o novo produto que será apresentado, e que nasceu do encontro entre o chá biológico da Chá Camélia e as rosas destinadas à culinária da plantação ao lado. Os aromas e cores foram a inspiração para esta edição limitada de kombucha natural feita de rosas portuguesas. Esta parceria da Chá Camélia com a Home Lab e a Niepoort virá no formato de uma garrafa Nat Cool.

Para encerrar o dia haverá ainda uma cerimónia japonesa do chá, conduzida por Erika Kobayashi, que auxilia na colheita do chá e faz regularmente workshops com Nina Gruntkowski na plantação Chá Camélia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *